Os que seguem a JESUS

21 julho 2009

Como conseguir o amor e o perdão de Deus

Você já questionou alguma vez o perdão de Cristo? Caso positivo, tenho boas notícias para você. A morte de Cristo em seu lugar é a base para o seu perdão. Em vista da morte substitutiva de Cristo na cruz, o seu perdão não é simplesmente uma esperança. É um fato!
Cristo pagou o preço por todos os seus pecados, totalmente e de uma vez por todas. Se você é cristão, todos os seus pecados_passados, presentes e futuros_foram perdoados. Você não pode acrescentar nada ao que Cristo já fez a seu favor. Súplicas, lágrimas, esforços pessoais e rituais religiosos não podem reconciliá-lo com Deus. Isto já foi feito no momento em que confessou os seus pecados e colocou a sua fé em Cristo como seu Salvador e Senhor.

Hebreus 10 proclama:

''Neste novo plano nós fomos perdoados e purificados por Cristo ao morrer por nós uma vez por todas.

Pois por meio daquela oferta única Ele tornou perfeitos para sempre aos olhos de Deus todos quantos Ele está santificando.

Ora, quando os pecados já foram perdoados e esquecidos uma vez para sempre, não há necessidade de oferecer mais sacrifícios para nos livrarmos deles.'' (Hebreus 10:10,14,18 BV).

Para receber o perdão de Deus, simplesmente confesse o seu pecado e aceite o Seu perdão pela fé. Chamo este processo de "Respiração Espiritual".

Assim como você inala e exala fisicamente, deve respirar também espiritualmente.

Você exala espiritualmente quando confessa os seus pecados. A Bíblia promete que se você confessar os seus pecados a Deus, Ele é fiel e justo para perdoá-lo e purificá-lo de toda injustiça (1 João 1:9). Confessar seus pecados significa concordar com Deus sobre eles. A sua concordância é tríplice:

Primeiro, você concorda que os seus pecados são errados e entristecem a Deus. Deus é santo e não tem nada a ver com o pecado. Mesmo que Ele ame você, apesar de ter pecados inconfessos em sua vida, você deve considerar esses pecados tão seriamente quanto Ele, a fim de receber o Seu perdão. Se não reconhecer o seu pecado, não terá esperança de salvação. Provérbios 14.9 diz: "Os loucos zombam do pecado". João escreve: "Se dissermos que não temos pecado nenhum, a nós mesmos nos enganamos, e a verdade não está em nós...Se dissermos que não temos cometido pecado, fazemo-lo mentiroso e a sua palavra não está em nós". (1 João 1:8,10).

Segundo, você reconhece que Deus já perdoou os seus pecados por meio da morte de Cristo e do Seu sangue derramado na cruz.

A confissão é, portanto, uma expressão de fé e um ato de obediência, que resulta em Deus tornando real em sua experiência o que Ele já fez por você mediante a morte do Seu Filho. Esta experiência real e contínua do perdão de Deus mantém você como um canal aberto, por meio do qual o amor e o poder divinos podem fluir.



O pecado inconfesso impede o fluxo do poder de Deus em sua vida. Permita-me ilustrar. Certo dia, quando eu operava os controles do trem elétrico de meu filho, ele parou repentinamente de andar. Eu não conseguia descobrir o defeito. Desmontei o trem e o montei novamente. Coloquei e tirei o plugue da tomada; nada aconteceu. Descobri então que uma pequena peça de metal _ um sinal "Proibido virar à esquerda"_ tinha caído sobre os trilhos, provocando um curto-circuito na energia elétrica.

A fim de manter uma vida cristã vitoriosa, você deve manter breves contatos com Deus. Quero dizer com isso que deve confessar qualquer pecado que entre na sua vida no momento em que o Espírito Santo revelá-lo a você. Ao recusar-se a confessar o seu pecado, você se torna carnal e anda na escuridão em vez de andar na luz do amor e perdão de Deus.

Terceiro, você se arrepende. Muda a sua atitude, o que resulta numa mudança no seu modo de agir. Mediante a força do Espírito Santo, você se afasta dos seus pecados e muda de comportamento. Em lugar de ceder à compulsão dos desejos da sua natureza mundana, carnal, você faz agora o que Deus quer no poder do Espírito Santo.

Ao confessar os seus pecados (exalar), você começa o processo da "Respiração Espiritual". Você se transforma de cristão carnal em cristão espiritual ao inalar, ou seja, ao apropriar-se da plenitude e poder do Espírito Santo pela fé. Muitas pessoas negam hoje a mancha do pecado em suas vidas. Outras tentam ignorar essa mancha dizendo, "Não é tão grande assim". Outras ainda, tentam desculpar a sua falha, afirmando, "Não sou pior do que os outros". E outros tantos tentam seus próprios métodos para vencer a sombra do pecado em suas vidas. Mas a única esperança de vencer o pecado é uma purificação sobrenatural, a purificação que só Deus pode realizar através do Seu Filho, o Senhor Jesus, que morreu e derramou o Seu sangue pelos nossos pecados.

O rei Davi conhecia muito bem o pecado.O Salmo 51 foi escrito depois que o profeta Natã informou Davi do juízo de Deus contra ele, por causa do seu adultério com Bate-Seba e do assassinato de Urias, marido dela. Davi, todavia, é descrito como um homem segundo o coração de Deus, porque se arrependeu. "Ó Deus, dá-me o perdão por causa do teu grande e fiel amor. Apaga a terrível mancha dos meus pecados pela tua misericórdia. Limpa-me completamente da minha culpa. Deixa-me limpo de pecados! Reconheço que pequei vergonhosamente..." (Salmos 51:1-3, BV).

No Salmo 32 ele também expressa a alegria que sentiu com o amor e perdão de Deus:

''Como é feliz o homem que tem as suas desobediências perdoadas e seus pecados cobertos! Como é feliz o homem cujos pecados Deus apagou e está livre de más intenções em seu coração!

Eu tentei, por algum tempo, esconder de mim mesmo o meu pecado. O resultado foi que fiquei muito fraco, gemendo de dor e aflição o dia inteiro. De dia e de noite sentia a mão de Deus pesando sobre mim, fazendo com as minhas forças o que a seca faz com um pequeno riacho. O sofrimento continuou até que admiti minha culpa e confessei a Ti o meu pecado. Pensei comigo mesmo: Confessarei ao Senhor que desobedeci às suas leis. Quando confessei, Tu perdoaste meu terrível pecado.'' (Salmos 32:1-5, BV).

Do íntimo de sua experiência, Davi compartilha esta admoestação com toda a sinceridade: "Quem confia no Senhor sempre confessa seus pecados a Ele, enquanto há tempo de ser perdoado. Quando Deus mandar seus castigos, quem confia nEle não será atingido". (Salmos 32:6, BV). Fico pensando em milhares de cristãos que estão sendo disciplinados por Deus por não confessarem os seus pecados. Eles têm revezes financeiros, enfermidades físicas e todo tipo de dificuldades; tudo por serem desobedientes a Deus, o qual tenta chamar sua atenção para poder abençoar e enriquecer suas vidas.

Incentivo você a fazer o que eu faço quando passo por dificuldades; volte-se para o Senhor e pergunte, "Senhor, há algum pecado em minha vida que torne necessário sua disciplina?" As Escrituras dizem que Deus disciplina aqueles a quem ama (Hebreus 12:6). Quando tiver dificuldades, é importante olhar no espelho da Palavra de Deus e confessar qualquer pecado que Ele revele.

A purificação dos pecados que prejudicam você, feita por Deus, irá abrir a porta para a vida abundante e satisfatória para a qual Jesus o chamou.

Pela fé, você pode simplesmente reivindicar como verdade o que Jesus Cristo disse e fez a seu favor. Pela fé, pode ver-se como Deus o vê, como Seu filho amado, perdoado e purificado. Pela fé, pode confessar seus pecados e arrepender-se. E, pela fé, pode aceitar o perdão e a purificação de Deus.

Talvez você fique pensando, "Se Cristo já pagou o preço pelos meus pecados, por que devo confessá-los?"

Ao confessar seu pecado você age com base na sua fé em Deus e na Sua Palavra. A confissão não lhe dá mais perdão. Cristo já perdoou você de uma vez por todas. Mas, ao admitir seus pecados, você estabelece na sua experiência o que Deus fez por você por meio da morte do Seu Filho.

Jesus contou uma história para ilustrar a confissão e o perdão de Deus. Pela insistência do filho mais novo, o pai deu ao rapaz sua parte na herança da família. O filho saiu de casa e gastou toda a herança com festas e prostitutas. Mais tarde, o filho voltou sem nada para casa, faminto e sentindo que não era mais digno de ser considerado filho. Mas o pai correu ao encontro dele, abraçou-o e beijou-o; colocou um anel em seu dedo, sapatos nos pés e deu um banquete em sua honra.

Por meio desta paráboloa, Jesus estava ensinando que Deus ama você não "quando", "se" ou "porque" você merece, mas até quando é desobediente e rebelde. Uma de minhas descobertas mais comoventes no estudo das Escrituras foi uma declaração feita por Jesus numa oração registrada em João 17:22,23:

''Eu dei a eles a glória que o Senhor Me deu: a de serem um, como Nós somos. Eu neles e o Senhor em Mim, para que todos sejam perfeitos; para que o mundo saiba que o Senhor Me enviou, e compreenda que o Senhor ama meus discípulos tanto quanto Me ama.''

Pense nisso! Deus ama você tanto quanto ama Seu Filho Unigênito, o Senhor Jesus Cristo. Pode crer nisso. Quando você confessa seus pecados, em Seu amor incondicional, Deus o recebe de volta e o perdoa com alegria. Em vez de fugir dEle com medo, você pode correr para os Seus braços amorosos, confiante em que Ele irá perdoá-lo.

Se, porém, se recusar a tratar corretamente com Deus, ignorando os seus pecados, você se torna carnal e começa a viver nas trevas em vez de andar na luz de Deus. Lemos em 1 João 1:6,7:

"Se dissermos que mantemos comunhão com ele, e andarmos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade. Se, porém, andarmos na luz, como ele está na luz, mantemos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado.'' (BV).

Talvez você tenha conhecimento de pecados que não confessou a Deus e, como resultado, perdeu seu primeiro amor por Ele. Talvez sinta ressentimento em relação a alguém. O seu relacionamento com Cristo pode parecer mecânico e rotineiro. As suas orações não parecem alcançar a Deus. Você lê a Bíblia mas não se lembra do que leu. Pode até tentar testemunhar por Cristo, mas ninguém responde.

Certo dia eu conversava com um amigo no telefone celular instalado num carro. Em certo ponto da nossa conversa, tudo o que eu ouvia eram ruídos provocados pela estática. Alguma obstrução interrompera o sinal de rádio e perdi grande parte das palavras de meu amigo. Depois do carro ter passado pelo obstáculo, pude ouvir novamente a voz dele com clareza e continuamos a conversa.

O pecado obstrui sua comunicação e seu relacionamento com Deus. Quando você tolera o pecado em sua vida, não pode ouvir a Deus. Você fica desanimado e confuso. Em breve, pode achar-se vivendo apenas com as suas memórias de Deus em vez de ter uma interação viva e vital com Ele.

Tudo o que você precisa fazer para experimentar o perdão divino é confessar os seus pecados, ou seja, exalar espiritualmente. Esse sopro purificador restaura a sua comunhão com Ele.


Extraído do blog : http://www.greatcom.org/portugues/transconcepts/tc2/receive.htm

7 comentários:

  1. BOA NOITE;
    NESSE MOMENTO EU ESTAVA ACHANDO QUE TUDO NA MINHA VIDA ESTA DANDO ERRADO, MAS AGORA DEPOIS DESTAS PALAVRAS VI QUE É MINHA VIDA QUE ANDA ERRADA. ME FEZ MUITO BEM ESSA LEITURA, CHOREI, PENSEI E CHEGUE Á CONCLUSÃO DE QUE EU PRECISO MUITO MAIS DE DEUS DO QUE IMAGINAVA.
    ABRAÇOS

    ResponderExcluir
  2. Olá,Anônimo fico feliz porque você ouviu a voz do Espiríto Santo .Que Deus o abençoe com o seu infinito amor e que a cada dia você venha conhecer mais e mais de Deus...Amém.

    ResponderExcluir
  3. Shalon!
    Conheci seu blog por acaso, é que estava procurando uma imagem para uma mensagem que escrevi sobre o perdão,então me deparei com seu espaço, por sinal muito abençoado.Irei seguir seus posts.
    Me visite se desejar, ok?
    http://eusoudomeuamado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. a paz do senhor quero lhe dizer que Deus falou profundamente comigo atravez dessas palavras que Deus te abençoe

    ResponderExcluir
  5. poxa nao sou merecedor do amor de deus pois eu peco minto muito eu queria ser uma arma de deus queria saber retribuir oc carinho que DEUS ME DA TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA COLOCAR DEUS EM 1 PLANO meu msn pra quemmquizer conversar comigo é carrolascado@hotmail.com o face book é o mesmo por favor algurm me direcione pro caminho correto

    ResponderExcluir
  6. Eu perdi a vontade de viver, mas agora eu percebo que Deus se importa comigo! Que Deus continue iluminandi você a escrever textos abençoados por Ele o todo poderoso Deus!

    ResponderExcluir
  7. Senhor meu Deus pai querido de minha alma peço que o Senhor abençoe todas essas vidas que buscam algo mais em suas vidas e esse algo mais é o Senho criador de toda existência, consagro a ti este blog que venha ser sempre um canal de bençãos.

    ResponderExcluir

Prov.11/28 Uma vida dedicada às coisas materiais é morta, um tronco cortado; Uma vida moldada por Deus é uma árvore florescente.
Jesus te ama
e eu também te amo.